Resenha; Seraphina a garota com coração de dragão.

19:28

Olá! Hoje lhes trago mais uma resenha de um livro realmente encantador.
Peguei esse livro  na biblioteca da escola , e acredite li em  doze horas esse livro.
Onde comprar: SaraivaSubmarino-
Quantas páginas: 384
Escritora: Rachel Hartman
Editora:  Jangada
Nota: *****(muito bom)

Uma capa lindamente feita. Um livro com uma história diferente....  Seraphina -A garota com coração de dragão me fascinou desde o dia em que vi o livro na biblioteca da escola. A trama conta a história de Seraphina, uma moça de 16 anos, confiram a sinopse:
''Neste livro você vai conhecer Seraphina Dombergh, uma garota de 16 anos com grande talento para a música e que possui um terrível segredo. A história se passa no reino medieval de Goredd, onde seres humanos e dragões convivem em harmonia durante décadas, desde a assinatura do Tratado de Paz. Criaturas extremamente inteligentes que podem assumir a forma humana, os dragões frequentam a corte como embaixadores. Seraphina se torna assistente do compositor da corte justo quando um membro da família real é assassinado bem ao estilo dos dragões. O clima começa a ficar perigosamente tenso e Seraphina passa a colaborar com as investigações, ao lado do capitão da Guarda da Rainha, o Príncipe Lucian Kiggs. Durante essa jornada que pode destruir a paz entre humanos e dragões, a fachada cuidadosamente construída por Seraphina começa a desmoronar, tornando cada vez mais difícil manter seu segredo, cuja revelação seria catastrófica em sua vida''( fonte; Saraiva)



Se fascinou? Ah! Tem tanta coisa pra descobrir desse livro! Ele é romance, fantasia épica,  e também muita mais,e tem muita  aventura! Tem muito mistério. Mas você vai descobrindo tudo junto a personagem.A história foi bem narrada pela Rachel, e confesso tive esperança de que o livro virasse filme. -era só o book trailer.- Mas ...  
Depois de um Tratado de paz entre o povo Goredd e os dragões eles viviam em plena harmonia -assim  digamos-  os humanos não poderiam se intrometer  na vida dos dragões, e  nem os dragões se intrometerem na dos humanos, e a paz assim durou entre povos diferentes durante 50 anos, depois da guerra. Até que o Príncipe Rufus é morto.Os principais suspeitos ? Os dragões.
Se quiserem evitar  uma futura guerra ela  e o Príncipe terão que descobrir quem o matou. 

A trama segue um raciocínio lógico, e a reviravolta da história fascina. Seraphina esconde um grande  segredo, que terá que guardar com todo o cuidado, mas acaba se expondo a tentar ajudar o príncipe, ela tem que não demonstrar quem ela realmente é, mas por vezes o deseja muito. O que na verdade acaba sendo um risco segundo um trecho do livro no qual ela fala sobre seu relacionamento com o príncipe Lucian.

Apesar de sua afabilidade, o Príncipe e eu não poderíamos ser amigos. Eu tinha coisas demais para esconder, e era da natureza dele investigar.


Um dos personagens mais cativantes da história é Orma-tio de Seraphina -  e Glisselda -  aluna de música dela- e a primeira pessoa na linha de sucessão ao trono depois de sua avó. Tem aparência bastante ingênua, mas a autora mostra aos poucos pela narrativa da personagem principal que a princesinha de 15 anos é mais esperta e sagaz do que se imagina. Os vilões são muito bons também., e descobrimos que o culpado de  tudo é quem menos se imagina. Confesso que tive horas que
 desconfiei de vários personagens bons- até da própria Seraphina ( ó as ideias da pessoa ).

Acabamos entrando no mundo complexo que a  escritora fez, pois ela foi muito além do que pensei, fez uma cultura, religião, e as características do povo, mostrou desde a arquitetura das casas, até o local da feira-ou mercado- rs. A também o  Jardim dos grotescos,  que fica dentro da cabeça da personagem, no qual ela cuida todos os dias, o que acentua a história e deixa a história ainda mais envolvente. Percebi também  que  em outras resenhas que consultei antes de lhes escrever essa, vários blogueiros delataram  que no inicío da história a leitura se arrastava, mas na minha opinião depois do capítulo quinze, a trama se desenvolveu muito rápido.

A escritora só demorou para desenvolver a história segundo minha opinião porque queria que os leitores entendessem a história primeiro, para depois ir mais afundo, afinal o mundo feito por Rachel, é bem complexo e eu demorei para entender, quando era narrado  o que acontecia na mente do personagem.

Em  si  o livro é bom, e uma das coisas que me deixou feliz, foi um glossário -no qual vim descobrir que existia no final do livro - e ele nos ajuda muito, pois a palavras  que a própria escritora fez, ela fez uma nova língua para o livro.  E há também  um capítulo bônus.
Vale a pena conferir a obra da autora. Boa leitura!

You Might Also Like

0 comentários

Olá, o que achou? Comente, juro que respondo assim que possível. Se quiser pode me mandar um email também por:
sarasblog07@gmail.com

Popular Posts

Like us on Facebook

Flickr Images