Crônica: O jogo do amor

15:00







Todo mundo acredita em algo. Uns no amor,e outros não. Eu particularmente acho que o amor pode ser um jogo: onde não se tem vencedor, onde todos podem ganhar ou perder. Ao ganhar, você tem o amor de sua vida ao seu lado -porque ele te ama, certo? - certo. E... se perder? Ah, te aquieta, se perder... é só reconstruir teu coração. Coisa pouca, certo? Errado.

Mas no final, querido(a) o amor é um belo jogo. Não sou dessas que acreditam que só há uma pessoa que seja seu par. Porque afinal o mundo tem uma população enorme -mais de 7 bilhões, não?- e se for assim, vai sobrar muita gente, então será que esses vão pro seminário ou convento? Talvez.

O problema é que quando se ama, a gente não vê as coisas  como elas realmente são, e é  por isso que a gente só sabe que perdeu o ''jogo''  quando a gente quebra o bombeador de sangue   coração. E eu sinto muito mesmo, você  machucou ele do jeito mais cruel. Porque no fundo, ele sempre vai amar aquela pessoa, mesmo que não seja como no início.

Mas afinal esse jogo vicia. E quanto mais se joga mais se quer ganhar, e  pode-se perder também. Mas afinal, vale a pena porque no final todos somos partes desse jogo, porque todos amam algo, ou alguém. Todos um dia já apreciaram o amor, e lutaram por ele.

Desculpe se você não o tem mais hoje, e não há nada e ninguém que você ame, ou se sinta amado, mas se um dia você teve o coração partido, e não superou saiba que a hora é agora. Se não superar, eu sinto muito, mesmo. Porque no final você poderá só ser mais uma pessoa amarga, e sem nada pelo que lutar. Porque no final você deveria se amar, isso, se amar o bastante para lutar pelo amor. Porque  por mais que seja um jogo que machuque, e que cure, um dia todos nos deparamos com ele,e é nossa change de agarra-lo. Só te peço o seguinte, esteja pronto para quando ele passar, você merece isso, todos merecem.


You Might Also Like

1 comentários

  1. Para amar tem que haver duas pessoas ,e para haver amor tem que ser recíproco ,pois quem ama tem que ser amado ,senão não passará talvez de uma paixão fugaz ou de um momento palpitante do coração ,beijinhos que o amor seja sempre uma constante da vida Sara ,felicidades.

    ResponderExcluir

Olá, o que achou? Comente, juro que respondo assim que possível. Se quiser pode me mandar um email também por:
sarasblog07@gmail.com

Popular Posts

Like us on Facebook

Flickr Images